Está sentindo muita dor nos olhos? Veja o que pode ser

Todo mundo, em algum momento da vida, já sentiu algum desconforto ocular. Apesar de ser bastante comum, é preciso ficar atento para que esse sintoma não represente uma doença séria e acabe comprometendo a saúde dos olhos.

Por esse motivo, vamos mostrar neste post quando uma simples dor nos olhos pode ser sinal de outras patologias ou quando se trata apenas de uma irritação simples causada por alergias ou fatores externos. Confira!

Causas de irritação nos olhos

Como já foi dito, a irritação nos olhos pode ter diversas causas. Desde a presença de corpo estranho no olho até inflamação na pálpebra ou no nervo óptico.

Um exemplo comum desse sintoma é quando a pessoa usa óculos e o grau não é mais o adequado para ela. Nesse caso, ela vai sentir não só dor nos olhos, mas também dores de cabeça e irritação no local.

Outro motivo que pode causar dor ocular é a sensibilidade à luz. Inclusive, muitas pessoas que relatam dor nos olhos têm esse tipo de sensibilidade.

Por fim, esse sintoma pode ser causado também por outros fatores, como:

  • exposição à radiação solar;
  • alergia a produtos ou poeira;
  • esclerite — inflamação na parte branca dos olhos;
  • soro utilizado em piscinas.

Doenças que causam dor nos olhos

A dor nos olhos pode ser indicativo de muitos fatores, inclusive doenças crônicas e mais sérias. A seguir, conheça algumas delas.

Glaucoma

Trata-se de uma doença que está associada ao aumento de pressão ocular, que pode levar a danos no nervo óptico e até mesmo à perda da visão. No início, a pessoa praticamente não apresenta sintomas, pois o glaucoma se desenvolve de forma lenta e progressiva.

No entanto, em estado mais avançado, além de dor nos olhos, a pessoa começa a apresentar outros sintomas como vista embaçada e a perda da capacidade de enxergar. A doença não tem cura efetiva, mas o tratamento é bastante útil e pode evitar a perda da visão.

Conjuntivite

A conjuntivite é uma inflamação da membrana transparente que recobre a parte frontal dos olhos e o interior das pálpebras. Geralmente, ela ataca os dois olhos e costuma durar de 10 a 15 dias, não deixando sequelas.

Há dois tipos de conjuntivite: a aguda e a crônica. Em ambos os casos, a pessoa sente muita dor ocular devido à forte irritação no local.

O tratamento consiste em remédios receitados pelo oftalmologista que, geralmente, são analgésicos, anti-inflamatórios e, em algumas situações, antibióticos.

Blefarite

Consiste em uma inflamação aparentemente inofensiva, mas bastante incômoda que, entre outras coisas, causa dor nos olhos. Ela se caracteriza por uma insistente coceira na região das pálpebras e muita vermelhidão no local.

Outros sintomas que podem aparecer também são sensação de areia na parte interna da pálpebra e crescimento anormal dos cílios (ou até mesmo a perda deles).

Como você pode notar ao longo do texto, a dor nos olhos pode ser sinal de muitas condições, inclusive de doenças graves, como o glaucoma. Por essa razão, é sempre importante cuidar da saúde ocular e manter a visita ao médico oftalmologista em dia. Assim, é possível prevenir o aparecimento ou agravamento de doenças e garantir que os olhos estejam sempre saudáveis.

Entendeu como a dor nos olhos pode ter muitas razões? Então, se você gostou deste post, confira também o que fazer no dia a dia para manter a saúde dos olhos e saiba como evitar muitas doenças.

 


Publicado em 26/02/2019

Posted in Dicas

assinatura site

Olhar Certo Clínica Oftamológica © 2021 - Todos os Direitos Reservados.