Olhar Certo / 25/08/2020 / Dicas

O que é o descolamento de retina? Entenda aqui

O descolamento de retina é um problemas de visão que deve ser tratado com seriedade. Ele pode causar danos críticos à visão e o seu agravamento pode, inclusive, levar à cegueira. Por isso, saber o que é e quais são os seus principais sintomas é muito importante para que você consiga identificá-lo e busque ajuda no momento certo. Afinal, quanto mais rápido for o tratamento, maiores serão as chances de reverter as lesões.

Cuidar da saúde ocular é muito importante, pois, qualquer alteração na região pode levar a sérios distúrbios que comprometem a sua qualidade de vida. Muitos dos problemas de visão que acometem a população pode ser resolvidos e até mesmo revertidos com visitas periódicas ao oftalmologista, ou ao buscar ajuda quando houver qualquer alteração anormal.

Continue a leitura desse texto para saber tudo o que precisa sobre descolamento de retina e o que fazer caso identifique o problema.

O que é descolamento de retina?

A retina é uma membrana bem fina que cobre a superfície interna do globo ocular. Ela possui receptores fotossensíveis que são responsáveis por receberem a luz do ambiente, transformá-la em impulsos elétricos e transmiti-la para os nervos ópticos. Esses impulsos, então, são levados até a região do cérebro que processa a visão. É assim que enxergamos.

Ela não fica presa a nenhuma estrutura, mas é sustentada pelo vítreo, substância gelatinosa e transparente que preenche o olho, que a mantém na posição adequada. O descolamento ocorre quando, por algum motivo, há a separação dessa estrutura da superfície do globo ocular. Esse afastamento implica na cessão do fornecimento de nutrientes, o que promove degeneração celular e pode afetar gravemente a visão.

Quais são as causas do descolamento de retina?

Existem três tipos de descolamento de retina que têm diferentes causas. São eles:

·         Regmatogênico: causado por uma ruptura na retina proveniente de traumas, doenças no olho, ou até de forma espontânea;

·         Tradicional: na qual há o repuxamento ou tração na área da retina, causado geralmente por alterações no vítreo;

·         Seroro: ocorre quando há acúmulo de fluidos sob a retina, ocasionados por tumores ou doenças inflamatórias.

Além das causas citadas, há também alguns fatores de risco que precisam ser considerados, como:

·         idade superior a 40 anos;

·         histórico familiar;

·         miopia muito forte;

·         cirurgias oculares prévias;

·         traumas na região da cabeça;

·         diabetes descompensado. 

Quais são os sintomas?

Geralmente, o descolamento de retina é indolor, ou seja, não causa nenhum tipo de dor ao paciente. No entanto, ele tem outros sinais específicos que precisam ser observados com atenção como, por exemplo, manchas escuras (semelhantes a moscas volantes), visão muito turva, sombra central ou periférica, flashes de luz e até mesmo, em casos graves, a perda da visão.

O que fazer?

É muito importante ressaltar que o descolamento de retina é considerado uma urgência oftalmológica e precisa ser tratado imediatamente.

A negligência desse quadro pode fazê-lo evoluir para problemas permanentes de visão e causar até a perda total dela. Por isso, ao menor sinal de qualquer um desses sintomas, a atitude correta é procurar um oftalmologista o mais rápido possível para a realização de um mapeamento da retina.

Caso lesão se confirme, saiba que há cura. O tratamento depende do tipo, da gravidade e da extensão do problema, mas, basicamente são: fotocoagulação com laser e criopexia, para casos em que não há infiltração do vítreo. Retinopatia pneumática, retinopexia e vitreoctomia, para os casos em que há a necessidade de uma intervenção cirúrgica. Lembre-se que um oftalmologista de confiança será capaz de indicar um tratamento adequado para cada caso.

O descolamento de retina é uma alteração grave que precisa ser detectada e tratada quanto antes. Por isso, é muito importante que você esteja atento, saiba identificar os sintomas e busque o tratamento quando necessário. Cuidar da saúde dos seus olhos é essencial e deve ser feito com dedicação.

Ficou com alguma dúvida ou tem dúvidas sobre o problema? Entre em contato conosco e agende uma consulta com um de nossos oftalmologistas! A prevenção é sempre o melhor caminho para manter sua saúde ocular em dia!

 

Saiba mais

Interessou-se sobre o assunto?
Entre em contato conosco e converse
com um oftalmologista da nossa equipe!

Entre em contato
Últimas Postagens